terça-feira, setembro 12, 2006

N há autógrafos grátis :

Já a Floribella, opta por cobrar 3 mil euros por cada uma das horinhas da sua "bendita" vida que passa a dar autógrafos. Tendo em conta que na sessão que deu em Alpiarça teve que pegar 300 xs na caneta para rabiscar o seu nome nos papelinhos envergados pelos muitos fãs que acorreram à Feira Agrícola Comercial, 1o euros por cabeça até é um preço muita em conta! Ainda para mais se pensarmos que se esse preço fosse cobrado a cada uma das pessoas presentes,"só" representaria duas horas de trabalho do português médio. Afinal, "uma pessoa quer o dinheiro para quê", n é?

Melhor que o Euromilhões...

...só mesmo o Casino do Estoril!

Imaginem que estavam de férias e que tinham 60 cêntimos no bolso. Em x de tomar um café, decidiam apostar numa das muitas slots deste Casino. E que vos saía a sorte grande. Ou melhor, 549 mil €, para ser mais exacta! Foi isso que aconteceu a uma turista, casada com um emigrante português, na passada segunda-feira.

O que lhe terá passado pela cabeça, face a este milagre imediato da multiplicação? Terá entrado em estado de choque? Terá rido? Chorado? Telefonado imediatamente aos filhos a quem diz que a recente fortuna irá ajudar?

Certo é que nunca mais será a mma e que há-de levar no bolso a melhor recordação do nosso país;)

sexta-feira, setembro 01, 2006

Ó tempo volta p'atráaaaaasssssssssss

Ontem a minha irmã enviou-me mais uma pérola da nostalgia cibernética. Aqui pode reviver-se o nosso passado em formato bonecos de borracha, daqueles que se vendiam nas pastelarias de bairro e coleccionávamos no parapeito da janela ou trauteando genéricos de alguns dos melhores desenhos animados do mundo (pelo menos, do que guardo da minha infância). Deixo-vos alguns dos melhores objectos que encontrei e recomendo uma visita porque, afinal, "recordar é viver":)











>